01 de abril, 2024 10h04m Esportes por Redação Integrada Rádio Cidade de Ibirubá e Jornal O Alto Jacuí

A jornada de Gilinho Campos: Uma história de superação e dedicação no futebol brasileiro

Sua ascensão no futebol profissional começou com o Guarani de Cruz Alta, aos 18 anos, onde iniciou sua carreira como jogador profissional

A trajetória de Gilson Campos, o Gilinho, desde  suas origens em Santa Clara do Ingaí, no interior de Quinze de Novembro até o sucesso nos gramados profissionais, revela lições valiosas sobre determinação e paixão pelo esporte.

Gilinho Campos, uma figura lendária do futebol regional, no Baú do Esporte, ele compartilhou detalhes emocionantes de sua jornada nos campos, repleta de desafios e conquistas. De suas raízes humildes em Santa Clara do Ingaí até sua passagem por clubes renomados como Chapecoense, ABC e Criciúma, Gilinho inspirou gerações com sua humildade e talento. Sua jornada começou nos potreiros de Santa Clara do Ingaí, onde a paixão pelo esporte era evidente desde cedo. "Sempre joguei futebol desde novo. A gente se reunia nos potreiros, tirava as pedras do gramado e se divertia jogando bola", relembra Gilinho.
Sua ascensão no futebol profissional começou com o Guarani de Cruz Alta, aos 18 anos, onde iniciou sua carreira como jogador profissional do juniores. "Foi uma experiência única, morando no alojamento do clube e treinando duro todos os dias", conta Gilinho.  Mas o medo do desconhecido acabou assustando o atleta em ascensão. Mesmo com uma trajetória que já se mostrava ser de sucesso nos campos, Gilinho conta que chegou a fugir da concentração do Guarany, retornando para Santa Clara do Ingaí. Logo depois, já convencido que desistir não era uma opção, visto que ele mesmo confessa que não gostava muito de estudar, e portanto o futebol na  época era a grande oportunidade para uma vida melhor. Sua determinação logo o levou a clubes maiores, como a Chapecoense, onde enfrentou desafios e aprendizados que moldaram sua carreira.
Ainda em Santa Catarina, Gilinho fez história pelo Criciúma e sua passagem pelo clube catarinense foi marcada por momentos memoráveis, incluindo a conquista do Campeonato Catarinense em 1995. "Levantar aquela taça foi a realização de um sonho. Foi o resultado de anos de trabalho árduo e dedicação ao esporte", compartilha com emoção.
Após sua passagem pelo Criciúma, Gilson teve experiências em clubes nordestinos, incluindo o ABC e o América de Natal. "Foi uma mudança drástica de realidade, mas uma oportunidade enriquecedora em minha carreira", reflete Gilinho.
Apesar das glórias nos gramados, Gilson Campos é lembrado por sua humildade e simplicidade, características que o tornaram um exemplo para os jovens jogadores de sua região. Ele lamenta a falta de emoção e entretenimento no futebol contemporâneo, contrastando-o com a paixão e envolvimento que o esporte costumava gerar. Na parte final da entrevista, o entrevistador faz uma pergunta pessoal sobre se ele conseguiu ganhar dinheiro com sua trajetória no futebol amador. O entrevistado compartilha que, embora não tenha enriquecido, conseguiu construir uma vida estável, tendo casa própria e carro. Ele ressalta que nunca teve grandes ambições financeiras e que o futebol era mais uma paixão do que uma fonte de renda para ele.A entrevista encerra com uma discussão sobre as posições que seus filhos jogam e suas próprias experiências no futebol local. Ele reflete sobre os desafios e oportunidades enfrentados pelos jovens jogadores de hoje, destacando a importância do treinamento e dedicação para alcançar o sucesso no esporte.
Assim, a entrevista oferece uma visão abrangente da carreira e perspectivas do entrevistado sobre o futebol varzeano em Quinze de Novembro, abordando desde suas experiências pessoais até as mudanças e desafios enfrentados pelo esporte ao longo do tempo.
 

Publicidade

Notícias relacionadas

Vereadora Jaqueline Brignoni Winsch ingressa no PL e faz reflexão sobre a trajetória política no Progressistas

Entrada da vereadora no Partido Liberal marca mudança política e destaca conjuntura partidária.

15 de abril, 2024

Publicidade

Banca Virtual Edição Digital

Principais categorias