Servidora da Prefeitura de Ibirubá falece aos 52 anos

Psicopedagoga Julieta Winck Perussato faleceu uma semana após perder o marido por covid-19

Morreu na madrugada de hoje, aos 52 anos, a psicopedagoga Julieta Winck Perussato, vítima de complicações da covid-19. Julieta ingressou no quadro de profissionais da Prefeitura de Ibirubá em fevereiro de 2012, na Secretaria de Educação. Seu trabalho era prevenir, diagnosticar e tratar problemas de aprendizagem nos alunos da rede municipal.

Em março de 2021 Julieta foi eleita por unanimidade ao cargo de presidente da Academia Cruz-altense de Letras. Natural de Cruz Alta-RS, graduada em Pedagogia pela UERGS (Universidade Estadual do Rio Grande do Sul) e pós-graduada em Psicopedagogia Clínica e Institucional pela FAI (Faculdade de Itapiranga-SC), Julieta escreveu poesias, textos e Crônicas, que foram publicados em diversos jornais.

No dia 23 de abril de 2021 ela perdeu o marido, Carlos Alberto Perussato da Silva, também vítima da covid-19. O casal deixa uma filha, Daniele Winck, genro e dois netos. O corpo foi levado ao crematório de Santa Rosa/RS.

Julieta Winck Perussato e Rubia Ribas, em 2012, na Câmara de Vereadores de Ibirubá

Da Redação Integrada Rádio Cidade e Jornal O Alto Jacuí de Ibirubá
Foto: Reprodução

Autor: Rádio Cidade Ibirubá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *