Ibirubá se abre ao turismo com a Rota Essência do Viver

Ibirubá se abre ao turismo com a Rota Essência do Viver

06/12/2018 0 Por Cidade_FM104.9

Ibirubá oficialmente se abriu ao turismo rural na tarde de quarta-feira, 12 de dezembro, com o lançamento do Projeto de Turismo em Ibirubá. O evento apresentou a Rota Essência do Viver, com sete propriedades e uma empresa no centro da cidade, que irão recepcionar os turistas com artesanatos, gastronomia local e atividades do turismo rural. O roteiro fará parte da região turística da Rota das Terras Encantadas e será divulgada pelo COMAJA.

Alessandra da Silva, coordenadora de Cultura e Turismo e a secretária da Educação, Cultura, Turismo e Desporto Mariana Moraes adiantaram para a Rádio Cidade FM a rota Essência do Viver e as propriedades que irão compor esse roteiro. Os turistas irão desfrutar de atividades da Rota durante dois dias e, segundo Mariana, a ideia é trazer essas pessoas para o centro da cidade, onde elas poderão movimentar o comércio e a rede hoteleira utilizando os serviços ofertados pela cidade.

Confira o roteiro Essência do Viver

Projeto Cultural Coxilha Dois Irmãos (Rua Dumoncel Filho – Bairro São Jacob) 

“História e Tradição, Usos e Costumes com o autêntico sabor da estância”.

  • Café de estância, “jantar à moda da estância”, artesanato, oficinas culturais, oficina de chimarrão.

Recanto João de Barro (Linha Pulador Norte)

Na integração dos ciclos da natureza a simplicidade de viver

  • Apresentação do cultivo de hortaliças e flores, atividade prática (plantio de sementes).

Casa do Artesanato (Centro)

  • História do Município; Historia da Associação dos Artesãos em Ibirubá; Curiosidades e significados sobre alguns trabalhos manuais; Apresentação e venda do artesanato local;

Tempero de Família – Esquina Kappaun (Linha Cinco)

  • História da comunidade, galinhada de tacho, curiosidades sobre a galinhada de tacho, artesanato local.

Granja Meu Reino Encantado (Linha Quatro)

  • Percepção da Natureza (reflexão/preservação), degustação de pães, cucas e bolachas produzidas pela família (Agroindústria Delicias Camponesas).

Granja Angico – Lago dos chorões (Linha Pulador Sul)

  • Apresentação da produção de suco de laranja, passeio de carretão até o pomar de laranjeiras e ao espaço de lazer também dedicado a atividade de piscicultura(lago dos chorões), degustação do suco de laranja.

Sitio da Lagoa – Trilha dos Sentidos  (Linha Quatro)

  • Apresentação da propriedade rural , caminhada orientada em um circuito de aproximadamente 800 m com paradas para a “experimentação” dos cinco sentidos: audição, visão, tato, olfato e paladar.

Granja Laranjeiras – Horto Hortelã (Linha Três)

  • Localizada na Granja Laranjeiras a agroindústria Horto Hortelã proporciona momentos de descoberta, entre doces e salgados, plantas e frutas, a diversidade de novos sabores, resgatando a história familiar e o amor pela culinária. (Café colonial com degustação de Geleias, Schmiers produzidas através da agricultura familiar, degustação de PANCs -Plantas  Alimentícias não convencionais).

O ponta pé para a construção da rota foi dado ainda no ano de 2017 quando o Departamento de Cultura e Turismo contatou a Emater e o Sindicato Rural com o objetivo de mobilizar produtores rurais para o turismo. A Emater indicou inúmeras propriedades que poderiam trabalhar com o turismo as quais foram visitados e convidados a participar de uma palestra de sensibilização oferecida pelo Sindicato Rural através de um programa de qualificação para o Turismo Rural. A palestra de sensibilização foi sob orientação do turismólogo de Gramado/RS Erick Ramm.

Direto da Redação de Jornalismo da Rádio Cidade FM

Fotos: Andrei Grave

Veja Também