Conecte-se Conosco
some text

Notícias Gerais

Assalto em dia de pagamento

Postado

em

No início da tarde desta quarta-feira (5), por volta das 13h, um assalto a mão armada foi registrado na empresa Concreetec, situada no acesso a Asfuca na Rua Pedro Rebelato, em Ibirubá.

Segundo ocorrência policial dois assaltantes chegaram em uma moto, renderam um dos proprietários e subtraíram o malote contendo cerca de 30 mil reais em dinheiro. Após a ação os bandidos entraram na caminhonete da vítima, uma FORD RANGER placas IYT-7472, e fugiram.

A moto Honda Twister placa IOI-7047, de Tupanciretã, encontra-se em situação de furto desde 18/11/2019.

A Brigada Militar está monitorando a região. Qualquer denúncia deve ser repassada ao 190.

Plantão de Jornalismo da Rádio Cidade FM e Jornal O Alto Jacuí de Ibirubá

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Gerais

Quais os objetivos da nova presidência da Câmara de Vereadores de Ibirubá

Postado

em

30ª Sessão Ordinária aconteceu ainda em dezembro e definiu a nova Mesa Diretora 

Escolhido por unanimidade, o atual presidente da câmara Érico Pimentel Nogueira, do Progressistas, em entrevista ao jornal O Alto Jacuí, falou sobre as principais metas frente ao parlamento neste ano. A Mesa Diretora ficou composta pelos vereadores Dácio Azevedo. Moraes do PT, como 1º Vice Presidente, Giovani Moacir Diesel, do Progressistas como 2º Vice Presidente, Vagner Oliveira do PRB como 1º Secretário e André Oliveira Ferreira como 2º Secretário. 

A questão acessibilidade na Câmara de Vereadores de Ibirubá, é uma das principais e primeiras metas defendidas pela presidência. O projeto que já havia sido encaminhado junto a prefeitura, e visa a construção de rampas de acesso ao prédio sairá do papel nos próximos dias. A acessibilidade de espaços públicos está previsto em lei. O presidente destaca que Ibirubá precisa dar exemplos aos outros municípios – Nós precisamos dar o nosso exemplo, ninguém está livre de se tornar um cadeirante, nem mesmo nós ter um parlamentar cadeirante aqui na nossa câmera, afirma Érico, que esteve à frente do rebaixamento de calçadas em 2009. 

Outro objetivo a ser alcançado é a realização de um Concurso Público Municipal, para suprir as deficiências na parte contábil da câmara. Se acontecer, o concurso será para vaga em um cargo de Assistente Administrativo Contábil e uma vaga para o cargo de Assistente de Secretária. -Vejo essa necessidade pelo fato de que cada presidente, muda as pessoas, os cargos de confiança. Mas essas pessoas tem que ter um treinamento para depois desempenhar suas funções, afirma Érico. Que além de apoiar a capacitação de pessoas que trabalham na parte administrativa, apoia a capacitação dos vereadores e os gastos com diárias.  – Não adianta falar mal sobre diária, viagens de um vereador. Em 2018 e 2019 gastamos em torno de 90 mil com diárias, e um vereador quanto traz em emendas parlamentares quando viaja a Porto Alegre e Brasília? Perto das emendas, acho os valores das diárias insignificantes., destaca o presidente. 

Discussões de projetos antes das sessões é uma mudança prevista 

Uma das mudanças que o presidente Érico pretende implementar na câmara, se apoiado pelos demais vereadores, é que a discussão e debates de projetos polêmicos sejam feitas antes das sessões. Ou seja, alterações de projetos, debates, modificações seriam feitas antes da sessão, e a sessão seria destinada ao voto, com pequenas declarações no tempo determinado. Essa decisão do presidente, é para evitar o desgaste dos parlamentares e a falta de respeito aos presentes,  – Os projetos mais polêmicos vamos resolver antes, serão discutidos internamente na câmara, para que na sessão se vote sim ou não e evitar discussão perante a população, desgaste de vereadores que não levam a nada. afirma 

Érico destacou ainda que encontrou um cenário positivo na câmara, e coloca como um dos grandes desafios não só trabalho e a administração, mas também o desafio de estar sempre a disposição da comunidade, dando suporte resolvendo e repassando os problemas ao executivo.

Continue Lendo

Notícias Gerais

Vereador do PL doará parte de salário a instituições de Ibirubá

Postado

em

Nadir Conterno atuou na câmara durante 30 dias

O vereador  Nadir Conterno do Partido Liberal, doará parte do salário recebido em dezembro, quando assumiu a câmara de vereadores de Ibirubá, a instituições. O principal motivo dessa decisão, é que o vereador, é um dos autores do projeto que prevê a redução dos salários dos vereadores do município. No entanto, quando assumiu a câmara no mês de dezembro, não houve espaço para discussão do projeto em tribuna. 

Nadir que se declara abertamente oposição da administração municipal, questionou a decisão de ser posto a câmara em um mês de recesso. – Porque eles me botaram no mês de dezembro, um mês de recesso? Para mim foi porque não poderia falar em tribuna sobre o meu projeto, isso foi minha insatisfação, você vai no tempo que ninguém pode falar, ressaltou o vereador. 

O projeto que visa redução dos salários dos vereadores deve ter 1.500 assinaturas, e ser aprovado pela bancada da câmara. No mês de dezembro, Nadir atuou na câmara por 30 dias, e receberá o dobro do salário normal. No entanto, ele doará legalmente, R$1500, para instituições do município. – Atuar na câmara não me fez abrir mão do meu projeto, pelo contrário fez eu tomar essa decisão de doar, reforça. 

Continue Lendo

Notícias Gerais

Cotas: um sistema que divide opiniões

Postado

em

É raro encontrar uma opinião unânime quando o assunto é o ingresso através das Cotas, nas instituições de ensino. Quem apoia, justifica que o sistema abre portas e proporciona uma igualdade social. Quem discorda, diz que uns são beneficiados e outros não, causando uma diferença social. Ou seja, duas opiniões que se chocam, e geram muitos debates. 

Mas, independente dos debates, o que realmente refletiu na sociedade, é o crescimento no número de estudantes em instituições. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2018, 50,3% dos estudantes que ingressaram em instituições de ensino são negros. A Lei Nº 12.711, regulamentada em 2012, prevê que as instituições federais de educação superior, vinculadas ao Ministério da Educação, reservem em cada concurso seletivo no mínimo 50% das vagas, para alunos que estudaram integralmente o ensino médio em escolas públicas. 

Para falar mais sobre o assunto, explicar algumas dúvidas o OAJ Entrevista dessa semana é com a responsável pela comissão de ingresso discente do Instituto Federal Campus Ibirubá, Júlia Blank

Como funciona as cotas no IFRS de Ibirubá?

o IFRS Campus Ibirubá que oferta também cursos de nível médio, a exigência é que sejam reservadas 50% das vagas desses cursos para estudantes que tenham cursado integralmente o ensino fundamental em escolas públicas.

Dentro das vagas destinadas às cotas existe uma divisão, onde metade delas devem ser ocupadas por estudantes com renda inferior a 1,5 salário-mínimo per capita, ou seja, a renda bruta da família não deve ultrapassar R$1.497,00 por pessoa, utilizando como base o salário-mínimo de 2019. A outra metade fica destinada para estudantes com qualquer outra renda superior ao valor mencionado.

Existe ainda a exigência de que dentro desses dois grupos de cotas sejam destinadas vagas para pessoas negras, indígenas e que tenham deficiência, de acordo com o percentual dessa população no estado onde são oferecidas as vagas, no caso do Rio Grande do Sul, de acordo com o IBGE, esse percentual é de 40,27%. Nesse sentido, depois do critério da renda, as cotas são divididas em quatro grupos: pessoas com deficiência autodeclaradas negras/indígenas; pessoas autodeclaradas negras/indígenas; pessoas com deficiência; demais pessoas. Essa divisão se dá dentro das cotas de renda inferior e das de renda superior.

OAJ: Qual o possível cenário da instituição se ela não tivesse ingresso por cotas?

A lei de cotas é de agosto de 2012, então passou a vigorar, principalmente, nos processos seletivos com ingresso a partir de 2013. Nessa época, o Campus Ibirubá ainda estava em fase de transição de Campus Avançado de Sertão para Campus, então não há pesquisas e dados de como era composto o público da instituição nessa época. Atualmente, o Campus realiza o diagnóstico discente, que permite acompanhar a realidade dos alunos que estudam aqui, de acordo com dados do último ano, que contou com 555 alunos respondentes, mais da metade do total de estudantes: 80,8% dos estudantes tem renda familiar mensal acima de 1,5 salários-mínimos, 90,8% cursaram o ensino fundamental em escola pública, 44,7% ingressou via cotas para estudantes de escolas públicas e 10% são negros. Se considerarmos apenas a questão da cor, na cidade de Ibirubá, 15,6% da população se declara preto, pardo ou indígena de acordo com o último censo, embora o IFRS Campus Ibirubá seja uma instituição que recebe alunos de várias cidades da região, podemos considerar que o número de alunos dessa cor está dentro da proporção da localidade. Já o fato de os estudantes terem, em sua maioria, cursado o ensino fundamental em escola pública, podemos considerar o fato de que há poucas escolas particulares na região. Não dispomos de pesquisas que possam embasar como seria composto o público caso não houvesse o sistema de cotas.

OAJ: De alguma maneira, o estudante que é branco, não estudou em uma instituição de ensino pública e quer entrar em uma instituição, ele é prejudicado com as cotas?

As instituições federais são mantidas com o valor que o cidadão paga ao governo por meio de impostos, todos os cidadãos pagam impostos, logo, todos deveriam ter acesso à rede de educação federal quando tivessem necessidade. Contudo, não existem vagas suficientes para atender toda a população em idade escolar, tornando-se necessário um exame de seleção para completar as vagas existentes, desse modo, o processo de ingresso em uma instituição federal que utiliza prova de conhecimentos acadêmicos é, basicamente, meritocrático, ingressam os candidatos com as maiores notas.

A primeira vista, o modo de seleção pode parecer correto, mas o quão justo é julgar um peixe por sua capacidade de subir em árvores? O que quero dizer com essa metáfora é que não podemos julgar os diferentes de maneira linear. As condições de acesso à universidade por meio de uma prova de seleção não estão unicamente relacionadas com a vontade e dedicação do aluno para estudar. Vou elaborar dois exemplos fictícios (mas que podem representar a realidade de muitos estudantes) e por meio deles vamos refletir sobre a prova de seleção e as cotas:

João é branco, filho único da quarta geração de grandes empresários que construíram sua fortuna ao longo de centenas de anos, cresceu em uma casa confortável, dispondo de água, luz, internet e os mais variados brinquedos. A rotina de João, agora com 17 anos, é semelhante desde criança: acorda às 7h da manhã, toma um café reforçado e vai para a escola particular em um bairro nobre, a mensalidade custa mais de R$3.000,00 e a lista de materiais é adquirida nas melhores livrarias da região. Além das aulas de disciplinas comuns do ensino médio, lá João tem aulas de idiomas, aprenda como fazer pesquisa acadêmica, estuda informática em um projeto de alta tecnologia, aprendendo como fazer programas de computador e tem os mais variados laboratórios e bibliotecas à disposição, ele fica o dia inteiro na escola e, quando volta para casa, pode se divertir jogando videogame, mas precisa fazer seus deveres de casa e ir dormir às 22h, para garantir um sono de qualidade até o dia seguinte. Nas férias, João faz intercâmbios internacionais, para aprender mais sobre a história dos países e praticar os idiomas que aprendeu durante o ano, ele já conhece mais de 30 países. Ele ainda não decidiu o que quer fazer de faculdade, mas todo mundo diz que medicina é interessante e paga bem, então é provável que vá para essa área

Pedro é negro, o mais velho dos três filhos de Maria, empregada doméstica na casa de João, seus bisavós vieram para o Brasil na condição de escravos há mais de 100 anos. O pai de Pedro foi embora de casa quando ele tinha 7 anos de idade, desde então, Maria sustenta a família com o salário de R$1.500,00 mensais, os três irmãos dormem no mesmo quarto na pequena casa do subúrbio e, como Maria trabalha até tarde da noite para conseguir um valor extra no final do mês, ele precisa cuidar de seus irmãos menores. A rotina de Pedro começa às 5h da manhã, quando sua mãe sai para trabalhar, ele faz o café para seus irmãos, que geralmente não passa de uma xícara de café preto e um pedaço de pão, em seguida faz a limpeza da casa e lava as roupas da família. Em seguida, ele e os três irmãos vão para a escola pública do bairro, que foi assaltada e agora não tem mais nem os antigos computadores que antes serviam para alguma pesquisa básica na internet, seus materiais escolares foram ganhos na assistência social. Quando chega em casa ao meio dia, Pedro deixa os irmãos na casa da vizinha e começa seu trabalho como entregador de comida em um aplicativo popular da região, quando tem sorte, os donos dos restaurantes dão alguma coisa para ele comer enquanto faz as entregas, contanto que isso não prejudique a velocidade do trabalho, ele fica nesse trabalho até sua mãe voltar e não lembra quando foi a última vez que dormiu mais de 4h em uma noite, no tempo que ele tem quando chega em casa tenta estudar um pouco para o vestibular, pois seu sonho é ser médico para trabalhar no posto de saúde do bairro, que quase nunca tem um médico à disposição.

Conhecendo as duas histórias, quais são as chances de Pedro tirar uma nota tão alta quanto João no vestibular para ingressar no curso de medicina?

É por isso que foram criadas as cotas, para que Pedro concorra com quem teve as mesmas condições de estudo que ele e João concorra com quem teve as mesmas condições dele, ao menos tentando julgar diferente os diferentes.

Continue Lendo

Notícias Gerais

Encontro de Prefeitos e Empreendedores discute destino turístico da Rota das Terras Encantadas junto a CVC

Postado

em

Visita técnica está marcada para o dia 4 de fevereiro 

A Rota das Terras Encantadas, que agora faz parte de um roteiro turístico junto a cartilha da companhia de viagens CVC, foi pauta de uma série de reuniões entre empreendedores e prefeitos da região. 

O primeiro encontro aconteceu no município de Victor Graeff, depois em Selbach, Quinze de Novembro e Cruz Alta. A próxima reunião será em Tapera.  

Uma visita técnica da companhia na região está marcada para acontecer no dia 4 de fevereiro, onde será feita uma análise de logística e atrativos. 

O roteiro vai contar com visitação aos municípios da Rota das Terras Encantadas seguindo para os municípios que compõem a Rota das Missões.

Continue Lendo

Notícias Gerais

Trabalhadores nascidos no mês de janeiro e fevereiro já podem receber o Abono Salarial

Postado

em

Nesta quinta-feira (16), a Caixa Economia Federal inicia o pagamento do Abono Salarial (Programa de Integração Social – PIS), seguindo o calendário 2019/2020. Os trabalhadores nascidos no mês de janeiro e fevereiro já poderão receber o PIS. O valor recebido varia de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano de 2018, ou seja, a pessoa pode receber de R$87 A R$1039. 

Titulares de conta individual na caixa, com cadastro atualizado e movimentação na conta poderão receber o crédito de forma automática e antecipada. Os pagamentos ocorrem conforme o mês de nascimento do trabalhador. O prazo final para o saque do PIS é 30 de junho de 2020. 

Continue Lendo

Notícias Gerais

Pesquisa divulga os municípios que mais produzem soja no Sul do país

Postado

em

Município de Tupanciretã ocupa o primeiro lugar 

Pesquisa‌ ‌divulga‌ ‌os‌ ‌municípios‌ ‌que‌ ‌mais‌ ‌produzem‌ ‌soja‌ ‌no‌ ‌Sul‌ ‌do‌ ‌país‌ ‌ ‌Município‌ ‌de‌ ‌Tupanciretã‌ ‌ocupa‌ ‌o‌ ‌primeiro‌ ‌lugar‌ ‌ ‌ ‌Uma‌ ‌brincadeira‌ ‌em‌ ‌um‌ ‌grupo‌ ‌de‌ ‌Whatsapp‌ ‌entre‌ ‌agricultores,‌ ‌sobre‌ ‌qual‌ ‌cidade‌ ‌mais‌ ‌produz‌ ‌soja‌ ‌no‌ ‌estado,‌ ‌fez‌ ‌vir‌ ‌à‌ ‌tona‌ ‌os‌ ‌números‌ ‌oficiais,‌ ‌de‌ ‌quais‌ ‌municípios‌ ‌do‌ ‌estado‌ ‌estão‌ ‌no‌ ‌ranking‌ ‌de‌ ‌maiores‌ ‌produções.‌ ‌Segundo‌ ‌o‌ ‌Projeto‌ ‌Soja‌ ‌Brasil,‌ ‌o‌ ‌último‌ ‌levantamento‌ ‌do‌ ‌Instituto‌ ‌Brasileiro‌ ‌de‌ ‌Geografia‌ ‌e‌ ‌Estatística‌ ‌(IBGE),‌ ‌lançado‌ ‌em‌ ‌2018,‌ ‌20‌ ‌cidades‌ ‌ocupam‌ ‌esse‌ ‌espaço‌ ‌como‌ ‌maiores‌ ‌produtores.‌ ‌A‌ ‌região‌ ‌sul‌ ‌apesar‌ ‌de‌ ‌ser‌ ‌a‌ ‌segunda‌ ‌maior‌ ‌produtora‌ ‌de‌ ‌soja‌ ‌no‌ ‌país,‌ ‌não‌ ‌tem‌ ‌nenhuma‌ ‌cidade‌ ‌que‌ ‌esteja‌ ‌entre‌ ‌as‌ ‌40‌ ‌maiores‌ ‌do‌ ‌país.‌ ‌ ‌ ‌Veja‌ ‌o‌ ‌levantamento‌ ‌feito‌ ‌pelo‌ ‌IBGE‌ ‌em‌ ‌2018:‌ ‌1º‌ ‌Tupanciretã‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌478‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌2º‌ ‌Tibagi‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌396‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌3º‌ ‌Júlio‌ ‌de‌ ‌Castilhos‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌332‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌4º‌ ‌Cachoeira‌ ‌do‌ ‌Sul‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌329‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌5º‌ ‌Cruz‌ ‌Alta‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌326‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌6º‌ ‌Cascavel‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌324‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌7º‌ ‌Palmeira‌ ‌das‌ ‌Missões‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌318‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌8º‌ ‌Castro‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌294‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌9º‌ ‌Guarapuava‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌280‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌10º‌ ‌Santa‌ ‌Bárbara‌ ‌do‌ ‌Sul‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌279‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌11º‌ ‌Jóia‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌269‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌12º‌ ‌São‌ ‌Luiz‌ ‌Gonzaga‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌266‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌13º‌ ‌São‌ ‌Gabriel‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌254‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌14º‌ ‌São‌ ‌Miguel‌ ‌das‌ ‌Missões‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌252‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌15º‌ ‌Ponta‌ ‌Grossa‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌251‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌16º‌ ‌Assis‌ ‌Chateaubriand‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌243‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌17º‌ ‌Toledo‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌236‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌18º‌ ‌Giruá‌ ‌(RS)‌ ‌–‌ ‌214‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌19º‌ ‌Lapa‌ ‌(PR)‌ ‌–‌ ‌211‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌20º‌ ‌Campos‌ ‌Novos‌ ‌(SC)‌ ‌–‌ ‌208‌ ‌mil‌ ‌toneladas‌ ‌ ‌A‌ ‌região‌ ‌sul‌ ‌é‌ ‌responsável‌ ‌por‌ ‌produzir‌ ‌mais‌ ‌de‌ ‌40‌ ‌milhões‌ ‌de‌ ‌toneladas‌ ‌de‌ ‌soja‌ ‌por‌ ‌ano.‌ 

Continue Lendo

Notícias Gerais

Cotribá por todos os cantos do estado

Postado

em

Em entrevista exclusiva ao Jornal O Alto Jacuí, o presidente da Cotribá Celso Leomar Krug falou sobre o crescimento da cooperativa

Crescimento e expansão territorial, fazem cada vez mais parte do cotidiano dos cooperados da Cooperativo Agrícola de Ibirubá. Fundada há mais de cem anos, a Cotribá movimenta a economia de Ibirubá, região e outros municípios do estado. Com um armazém em Rosário do Sul, Arroio Grande e Jaguarão, a cooperativa virou um sinônimo de expansão. No dia 26 de dezembro de 2019, mais duas unidades foram alugadas, uma em Ibirubá e outra em Santana do Livramento, há 427km de Ibirubá. Essa decisão, segundo o presidente Celso, foi ao encontro de um dos objetivos da cooperativa, que é expandir os negócios pelo estado, e dar uma assistência melhor aos cooperados que deixam os grão armazenados de um ano para o outro, o chamado ‘desfalque de passagem’. –Temos que ter um espaço para ajudar o produtor, fizemos uma negociação de alto nível com as cereais Werlang. Já estamos com as unidades assumidas e pretendemos logo começar a operar. Essa negociação veio em boa hora, vamos trabalhar com muita seriedade, expandindo e recebendo mais produtos na nossa cooperativa.

A riqueza de espaços abertos em regiões da fronteira, que são propensas a desenvolver a cultura de soja, e a diminuição dos gastos com fretes, são alguns dos fatores que motivam a expansão da Cotribá em outras regiões. Segundo o presidente, a ideia é trabalhar de uma forma tranquila, que não precise ter o trabalho de transportar a soja durante a colheita, o que gera mais gastos. Armazenar os grãos, e na chamada ‘entressafra’ iniciar o transporte ao porto de Rio Grande, é uma forma de trabalho positiva. O presidente destaca também, que a Cotribá busca se expandir onde os ibirubenses estão – Toda região que a cooperativa foi é porque tem produtores do alto jacuí espalhados. Essas regiões tem muito espaço ainda para expandir a cultura de soja, por isso definimos a estratégia de atuação. Toda essa expansão foi fantástica no crescimento da cooperativa e com certeza nós garantimos ao produtor uma tranquilidade, para armazenar, e vender quando quiser. 

Em 2019 o faturamento da cooperativa chegou a 1 bilhão e 300 milhões de reais, o objetivo neste ano, segundo o presidente Celso, é além de manter esse faturamento para mais, aumentar o número de associados, estender o projeto da agricultura familiar, e diversificar as atividades. Em fevereiro, sem data definida ainda, acontecerá a assembléia oficial dos associados, para apresentação dos números do ano passado. 

Continue Lendo

Notícias Gerais

Golpe do aluguel de veraneio faz novas vítimas no estado

Postado

em

Como funciona o golpe que todo ano faz novas vítimas no estado do Rio Grande do Sul.

Quem quer passar alguns dias nas praias do litoral deve ficar em alerta. Mais uma vez, o chamado ‘golpe do aluguel de veraneio’ causa dor de cabeça em quem estava em busca de descanso.  Desde o último verão, mais de 15 casos foram registrados nas delegacias do Rio Grande do Sul, em especial na cidade de Imbé, no litoral norte, onde são investigados 10 casos de golpe do aluguel, segundo o delegado Antônio Carlos Ractz Junior. Todos os casos investigados pela delegacia de Imbé ocorreram por meio do site e aplicativo da OLX.

O golpe acontece da seguinte forma; o estelionatário realiza uma visita à algumas casas que estão para alugar nas praias dos litorais, tira fotos, anota as características dos imóveis e após estar munido de todas as informações o mesmo cria alguns anúncios falsos como se fosse o próprio proprietário dos imóveis, oferecendo os imóveis para locação a preços muito abaixo do mercado. O turista impressionado com a excelente oferta, entra em contato com o criminoso que de antemão pede um sinal, o famoso caução em depósito. Normalmente, o estelionatário oferece um imóvel que em uma imobiliária custaria em torno de 2.000 mil reais, por algo como 800 reais, solicitando então um depósito de 300 reais. A vítima achando estar fazendo um excelente negócio, nem se quer verificar as informações obtidas do criminoso e realiza o depósito antecipado. Quando a vítima chega no local para pegar as chaves do imóvel, descobre que caiu em um golpe. De fato a casa existe, de fato ela está para locação, porém o proprietário verdadeiro nem está a par do problema.

Segundo o delegado Paulo Peres de Tramandaí, a investigação depende muito da quebra do sigilo telefônico e bancário, mas muitas vezes após a investigação o que se descobre é que os criminosos utilizam laranjas para receberem o dinheiro, ou seja, pessoas que muitas vezes emprestam a própria conta para que uma pessoa receba dinheiro. Por isso fica o alerta, nunca empreste uma conta bancária para terceiros.

Uma orientação que a delegacia tem dado é que as pessoas nunca realizam locações via aplicativos como OLX, Whatsapp e outros, sempre desconfiem de preços abaixo do mercado, é de suma importância que o inquilino verifique o imóvel antes de realizar qualquer depósito. Cabe ressaltar que imóveis para veraneio normalmente estão sob responsabilidade de imobiliárias credenciadas.

Continue Lendo

Notícias Gerais

O novo cenário do Mercado Financeiro: veja como Trader pode auxiliar nos seus investimentos

Postado

em

O profissional que capacita e auxilia quando o assunto é investir 

Ficar de olho nas altas e baixas das moedas estrangeiras é a realidade de muitas pessoas.  Investir no mercado financeiro, é viver na linha tênue entre os riscos e os benefícios. Mas atualmente, não vale só apenas investir, tem que estudar, ter estratégias e um bom psicológico. Segundo o Coach em Desenvolvimento Pessoal e Profissional, Vinicius Andrade, quem investe deve saber a hora de parar. –Saber a hora de parar quando ganha e a hora de parar quando perde é essencial”, destaca Vinicius 

É na hora de pensar em estratégias, análises e especulações, que entra em cena o ‘Trader’, profissional que atua na análise e probabilidade de gráficos, gerência carteira de ativos, e monta estratégias de investimentos voltadas para a redução de riscos e elevação de ganhos. Diferente de um investidor, que trabalha com ações e lucros gerados. 

Segundo Vinícius, que trabalha no ramo há quatro anos e está a frente da escola EWE, de Caxias do Sul, os investimentos iniciam com uma análise gráfica, de como o mercado está se comportando, a partir dessa análise é feito um investimento, e ao final do dia, há um retorno. Por isso, as operações são mais rápidas, pois iniciam e terminam no mesmo dia. 

Para uma pessoa que opera na opção binária por exemplo, para ela ter acesso ao dinheiro físico em real, ela deve fazer o cadastro em uma Corretora de Valores, é nela que o capital será investido, e que fará as intermediações, por isso a importância da segurança no atendimento prestado. Conforme o investimento feito for capitalizando, a pessoa consegue realizar um saque físico. Os chamado ‘bitcoin’, é uma moeda descentralizada, que pode chegar a valer 33 mil reais, e é uma das opções no mercado para investir. A má fama do bitcoin, se da por ter sido usado por pirâmides financeiras, para roubar pessoas, causando assim uma desinformação quanto a forma de atuação dessa moeda.  

Cada vez mais difundido, mas ainda com pouca informação, investir no mercado financeiro exige especulações, estudos e opiniões de especialistas. O Trader não só auxilia uma pessoa na hora de investir, como ele também forma outros traders. Como é o caso do Vinícius, que além de auxiliar os investidores, trabalha na formação de mais de 700 alunos na escola EWE em Caxias do Sul.

Continue Lendo

Notícias Gerais

Inscrições para a 2ª Edição do vestibular da Universidade de Cruz Alta estão abertas

Postado

em

Vagas são para os 17 cursos superiores ofertados nesta edição

Quem ainda não conseguiu ingressar em um curso superior, não precisa entrar em desespero. A Universidade de Cruz Alta (UNICRUZ), terá mais dois dias de provas de redação para o estudante que deseja entrar na universidade. As inscrições vão até o dia 27 de janeiro, e podem ser feitas no portal online da UNICRUZ. 

 primeiro dia de vestibular dessa segunda edição, será no dia 2 de fevereiro, a partir das 15h, o segundo no dia 3 de fevereiro a partir das 14h30min, ambas as provas serão aplicadas no Campus Universitário. Nesta segunda edição, a universidade ofertará vagas para 17 cursos de graduação presenciais, são eles:(Administração, Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Biomedicina, Ciência da Computação, Ciências Contábeis, Direito, Educação Física- Bacharelado, Educação Física – Licenciatura, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia de Produção, Farmácia, Fisioterapia, Jornalismo, Medicina Veterinária e Pedagogia) e um tecnólogo (Estética e Cosmética). Na modalidade semipresencial as vagas são ofertadas para os cursos de  Administração, Engenharia Civil, Engenharia de Produção e Ciências Contábeis. O valor das inscrições é de R$35.

Continue Lendo

Veja Isso