Conecte-se Conosco
some text

Notícias Gerais

Amor e Inclusão, Potira Benedetti, que faz um lindo trabalho com crianças que precisam de uma atenção especial em salas de aula

Postado

em

Potira Rafaela Benedetti Kuhn, estudante de Pedagogia, pelo PARFOR/UNICRUZ
Trabalho no município de Quinze de Novembro, na escola EMEF. Progresso como auxiliar de ensino concursada a 5 anos.
Como é sua rotina na escola? Quais as suas responsabilidades na escola?
Trabalho na EMEF. Progresso nos turnos manhã e tarde. Meu tempo na escola é dedicado exclusivamente à duas crianças especiais. Pela parte da manhã auxílio o aluno Pedro Henrique Anastácio Klein, aluno com síndrome de down na turma do quinto ano, acompanho o Pedro desde o primeiro ano na escola. E pela parte da tarde auxilio o aluno Roberto Carlos Vargas, aluno cadeirante com paralisia cerebral na turma de segundo ano, acompanho o Roberto também desde o primeiro ano que entrou na escola.
Meu trabalho com eles é auxiliá-los em todas as atividades dentro e fora da sala de aula. Pedro e Roberto estão inseridos em classes regulares, junto com as outras crianças e com a professora titular da turma. Seus currículos são adaptados conforme as suas necessidades e Participam de todas as atividades propostas na escola.
São dois meninos encantadores e amados por todos na escola, que nos ensinam a cada dia sermos seres humanos melhores.

Qual a importância da inclusão dos alunos na escola e na relação com os colegas?
Para mim todos os alunos devem ter a possibilidade de frequentarem o ensino regular, mesmo aqueles com alguma deficiência, transtorno de aprendizagem, etc… Nos como educadores e escola devemos nos adaptar para atender as necessidades destes alunos inseridos em classes regulares. Como força Transformadora, a educação inclusiva aponta para uma sociedade também inclusiva.
O maior ganho que uma criança com deficiência que frequenta a escola regular tem, é o de poder conviver e interagir com os demais alunos. Ela amplia as suas referências, ganha uma nova versão do mundo, passa a conhecer novas realidades. O convívio com pessoas com pensamentos diferentes, limitações e referências é fundamental na formação de qualquer cidadão, isso não é diferente com uma criança com alguma deficiência.
Sentir-se integrado e parte de uma comunidade com certeza muda a visão do mundo quando há inclusão. E os demais estudantes que convivem com essas crianças, levam lições fundamentais para a vida, como tolerância, respeito, empatia e solidariedade.
Uma escola que pratica a inclusão não só está cumprindo a lei, mas mostrando que se preocupa com a formação de seus alunos, dando a eles a oportunidade de conscientização sobre respeito às diferenças.
Como estudante de Pedagogia, qual o seu sonho em relação a educação ?
Meu sonho em relação a educação é que ela seja de qualidade para todas as crianças. Uma educação que use evidência para a tomada de decisões, e que, a partir delas, gere ações afetivas e transformadoras. E acima de tudo, uma educação que valorize e reconheça quem trabalha diariamente com o futuro do país.

Encerro minha entrevista com a seguinte mensagem:
“Todo mundo tem um potencial único.
Trate as pessoas com necessidades especiais vislumbrando as capacidades que ela tem. Uma relação harmoniosa e respeitosa é capaz de transformações profundas. É importante sempre acreditar no ser humano, tenha ele alguma limitação, transtorno ou deficiência”. (autor desconhecido)

Você também trabalha com alunos que possuem alguma deficiência, como é esse trabalho? Para mim não tem preço poder conviver diariamente com essas crianças. Com eles eu vejo que realmente posso fazer a diferença na vida de alguém. Sempre estou aprendendo mais do que ensinando. Pequenas coisas para eles, se tornam coisas grandiosas. Eles me ensinam muito sobre gratidão. Com certeza a recompensa diária supera os desafios que eles enfrentam. É um lá experiência gratificante que impacta positivamente em minha vida. Ser recebida todos os dias com aqueles sorrisos no rosto não tem dinheiro que pague. Com eles a vida não tem tristeza, se você está tendo um dia ruim, ao lado deles tudo melhora.
Se todos tivessem a oportunidade de um dia conviver com uma criança especial, com certeza o mundo seria um lugar melhor.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Gerais

Assalto em dia de pagamento

Postado

em

No início da tarde desta quarta-feira (5), por volta das 13h, um assalto a mão armada foi registrado na empresa Concreetec, situada no acesso a Asfuca na Rua Pedro Rebelato, em Ibirubá.

Segundo ocorrência policial dois assaltantes chegaram em uma moto, renderam um dos proprietários e subtraíram o malote contendo cerca de 30 mil reais em dinheiro. Após a ação os bandidos entraram na caminhonete da vítima, uma FORD RANGER placas IYT-7472, e fugiram.

A moto Honda Twister placa IOI-7047, de Tupanciretã, encontra-se em situação de furto desde 18/11/2019.

A Brigada Militar está monitorando a região. Qualquer denúncia deve ser repassada ao 190.

Plantão de Jornalismo da Rádio Cidade FM e Jornal O Alto Jacuí de Ibirubá

Continue Lendo

Notícias Gerais

Mais de 33 mil produtores de leite abandonam a ordenha

Postado

em

Entre 2015 e 2019, 39,82% dos criadores deixaram atividade

O Rio Grande do Sul perdeu 33.335 produtores de leite em quatro anos. O dado foi informado nesta quinta-feira (5), no lançamento do Relatório Socioeconômico da Cadeia Produtiva do Leite no Rio Grande do Sul 2019, divulgado pela Emater em parceria com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seadpr). O evento ocorreu no Plenarinho da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre.

Segundo em relatório, em 2015 o Rio Grande do Sul contava com 84.199 produtores de leite. Em 2019, esse número caiu para 50.664, uma redução de 39,82% no período. A quantidade de vacas leiteiras nas propriedades também caiu. Em 2015, o Estado contava com um rebanho de 1.174.762 animais. Em 2019, esse número baixou para 930.399 vacas, uma queda de 20,8%, ou 244.363 cabeças.O gerente técnico adjunto da Emater, Jaime Ries, apresentou as três principais dificuldades apontadas pela maioria dos produtores que tem afetado a atividade leiteira no Estado: 45,21% dos criadores de gado leiteiro apontaram a falta ou deficiência de mão de obra; 44,89% se mostraram descontentes em relação ao preço recebido pelo leite e 40,72% reclamaram da falta de sucessão familiar.Entretanto, Ries também lembrou que houve aumento de rebanho e produtividade por propriedade, numa média de 1,1 vaca por ano e 19,1 litro/dia de leite. E a produtividade aumentou 165 litros/vaca, a cada ano, desde 2015.Em 2015, os produtores em atividade possuíam uma média de 13,92 vacas. Em 2019, essa média subiu para 18,34 animais por criador. A produtividade média dos animais aumentou de 11,74 litros/ dia, há quatro anos, para 13,90 litros/dia atualmente. Com isso, a produção média de leite nas propriedades cresceu de 136,5 litros/dia em 2015 para 213 litros dia em 2019 (uma variação positiva de 56,04% em quatro anos).”Mesmo com a redução significativa do número de produtores envolvidos na cadeia produtiva do leite, o aumento na produtividade se deve ao fato dos pequenos produtores estarem se especializando mais, investindo em tecnologias, equipamentos e instalações, garantindo o conforto e bem-estar animal”, afirmou Ries.Os números da Emater são referente aos produtores que vendem leite para indústrias, cooperativas ou queijarias e aos que processam a produção em agroindústria própria e legalizada.

De acordo com o presidente da Emater, Geraldo Sandri, os dados foram coletados em 100% dos 497 municípios gaúchos entre 20 de maio e 30 de junho de 2019.O titular da Seapdr, Covatti Filho, declarou que esse é o maior e mais completo estudo sobre a cadeia do leite realizado no Brasil. “São dados fundamentais para se ter o retrato da realidade e, com isso, poder atuar na melhoria da cadeia produtiva do leite, que é composta por 97% de agricultores familiares”

Fonte: Jornal do Comercio

Foto: EDUARDO SEIDL/ARQUIVO PALÁCIO PIRATINI/JC

Continue Lendo

Notícias Gerais

Todos os vereadores de Ibirubá apoiaram e aprovaram Moção de Protesto e Repúdio contra Reforma Estrutural

Postado

em

Câmara Municipal de Vereadores apresentou Moção no dia 26 de novembro 

No dia 26 de novembro, terça-feira, a Câmara Municipal de Vereadores de Ibirubá protocolou a Moção de Protesto e Repúdio contra os projetos da  Reforma Estrutural, elaborados pelo Executivo Estadual, que compreende alterações no Plano de Carreira do Magistério Público, no Estatuto do Servidor e no Regime Próprio de Previdência Social do Estado, e que foi apoiada e aprovada por todos os vereadores. 

A moção aborda a situação atual das áreas que serão afetadas pela Reforma Estrutural, como os educadores estaduais, que há cinco anos não recebem reposição salarial, acumulando perdas inflacionárias superiores a um terço do poder aquisitivo, desde novembro de 2014. Os educadores brasileiros recebem o segundo pior salário básico do país. Há uma defasagem de 102% em relação ao Piso Nacional do Magistério. Além, do parcelamento em atraso há 47 meses dos salários dos professores na rede estadual. 

Caminhões chegam para preparar abertura de poço de águas termais na região

Se aprovadas as alterações no Plano de Carreira do Magistério, quem pagará o Piso no Rio Grande do Sul será o próprio professor, isso porque, o governo pretende reorganizar os gastos atuais com a folha, sem conceder reajustes. 

A reforma estrutural propõe uma série de medidas que, em última instância, vão aprofundar o arrocho salarial, congelar proventos por anos, retirar direitos e confiscar o dinheiros dos aposentados que ganham menos taxando a previdência.

Todos os vereadores do legislativo municipal apoiaram e aprovaram Moção

A Moção exalta que é ultrajante a disposição do Estado em cobrar alíquotas previdenciárias de aposentados que recebem pouco mais de um salário mínimo.”É inaceitável que recaia nos ombros de quem recebe os menores salários e pensões a conta da má gestão, das desonerações fiscais bilionárias, da sonegação de grandes empresas e dos privilégios dos altos salários”, destaca a Moção, que foi protocolada no dia 26 de novembro na Câmara Municipal de Vereadores de Ibirubá pelo Vereador e presidente  Dácio Azevedo Moraes.

Continue Lendo

Notícias Gerais

Caminhões chegam para preparar abertura de poço de águas termais na região

Postado

em

Na segunda-feira, 02 de dezembro, iniciou a chegada da estrutura que ira servir de apoio para o inicio da perfuração do poço que pretende extrair águas termais em Quinze de Novembro, no noroeste do estado. Três veículos chegaram ao município de 3.800 habitantes, e causaram agitação em alguns moradores. Isso em função da expectativa de ver o complexo de águas termais em operação na cidade, projeto que deve mudar a realidade local e desenvolver o turismo regional. Cidades como Ibirubá e Cruz Alta serão diretamente impactadas com os recursos oriundos dos turistas, uma vez que servem como extensão e rota de passagem de viajantes.

Segundo um dos responsáveis pelo grupo de investidores que esta a frente do projeto, não existe data prevista para o inicio da perfuração. O que tem no município são caminhões de apoio, um deles carrega um compressor, outro leva contêineres e um terceiro equipamentos diversos. Eles irão preparar o ambiente, que fica próximo a saída para Fortaleza dos Valos, cerca de 2 km do centro da cidade.

Da Redação integrada Radio Cidade FM / Jornal O Alto Jacuí

Foto cedida por Jacques Guntzel

Continue Lendo

Colunistas

Cidades Inteligentes

Postado

em

Prof Jocelito André Salvador, Founder e CEO da Conducere Inteligência Corporativa. Mentor e assessor de Smart Business.

As necessidades de adaptação do que conhecemos hoje, do que precisamos aprender e do que necessitamos aprender e ainda não sabemos que vamos necessitar é algo que não tem volta na nossa era. A Era do Conhecimento.

Vamos pegar outro exemplo?

Como você se relacionava com o seu banco há 10 anos? Como se relaciona hoje? Com quantas pessoas, hoje, você efetivamente interage ao ir ao seu banco? Melhor, muitas vezes sequer você vai ao banco para fazer o que necessita, não é mesmo?

Ibirubá registra primeiro feminicídio do ano

A questão é que com o avanço da IA (Inteligência Artificial) e outras tecnologias, como a internet móvel de alta velocidade, a sua forma de trabalhar, de se relacionar com as pessoas, fazer suas compras e “ir ao banco” vai mudar MUITO ainda.

Assim, a decisão é simples, não necessariamente fácil: Ibirubá e região se adaptam às novas demandas mundiais ou será uma “região fantasma” em poucos anos.

Isto quer dizer que esta região tem que fazer o seu tema de casa, ou seja, o que cidades como Florianópolis e Bento Gonçalves já estão fazendo há algum tempo. Não é a toa que no mês de novembro deste ano Floripa sediou o 12º. KCWS (Knowledge Cities World Summit).

Este nome que parece um palavrão quer dizer apenas que foi uma conferência mundial para tratar das cidades inteligentemente sustentáveis, ou seja, baseadas no conhecimento das pessoas e no uso das tecnologias mais avançadas. Inclusive Bento Gonçalves ganhou um prêmio internacional nesta edição.

Ocorre que todo este discurso tem um objetivo claro: fazer com que você saiba que o futuro lhe apresentará inúmeras oportunidades. Porém, cada um necessita fazer o seu papel para que as pessoas e o meio ambiente não sejam simplesmente utilizados como “recursos” em nome de um tal de progresso, que já se demonstrou não ser sustentável. Ao menos da forma como viemos conduzindo nossas ações nas últimas décadas.

Vamos falar mais a respeito disto!

Até logo!

Continue Lendo

Notícias Gerais

Ibirubá registra primeiro feminicídio do ano

Postado

em

Mulher de 41 anos foi morta a golpes de facão pelo namorado. Filha de 12 anos presenciou o fato

Na semana que Ibirubá, no noroeste do estado, fez campanha chamando a atenção para o assunto da violência contra a mulher, através de ações da Prefeitura Municipal através da Secretaria de Assistência Social, o município viu o primeiro feminicídio da sua história.

Por volta das 22h de sexta-feira (29) Marcia Oliveira Prediger, 41 anos, foi atingida por golpes de facão pelo namorado. Segundo boletim de ocorrência, Jamiro Schussler de Souza chegou na residência dos pais de Marcia por volta de 21h50min. Testemunhas relatam que ele estava bastante alterado, possívelmente embriagado. Jamiro não se importou com a presença da filha de Marcia na casa, uma crianca de 12 anos. Na frente da menina e da mãe da vítima, o agressor desferiu vários golpes que atingiram o pescoço, braço esquerdo e mão direita da mulher. O Corpo de Bombeiros foi chamado por um vizinho, e conduziu Marcia ainda com vida ao Pronto Atendimento do Hospital da Comunidade Annes Dias. Com quadro de hemorragia grave, a vítima acabou morrendo pouco depois de receber atendimento.

Irmão relata convivência sem ameaças

Os dois namoravam há aproximadamente 3 anos e meio, e moravam na mesma rua. Segundo Márcio, um dos dois irmãos de Marcia, eles tentaram morar juntos em outro momento da relação porém não teriam se acertado. Ela residia junto com a mãe, o pai e a filha de outro relacionamento. Ele morava em uma casa na mesma rua, cerca de 100 metros de distância. Um pessoa próxima à família revelou que a relação tinha piorado a poucos dias atrás, e Márcia teria sofrido ameaças do então namorado.

Agressor já tinha registro de Maria da Penha em outra cidade

Logo após o fato a Brigada Militar esteve no local porém o autor já havia fugido. Segundo a delegada Diná Rosa Aroldi, o homem já tem passagem pela polícia por violência contra a mulher. “Encontramos um registro de Maria da Penha contra ele em Bento Gonçalves”, informou. As buscas seguem, e até o fechamento desta matéria o homem não habia sido localizado.
O corpo de Márcia Oliveira Prediger passa por neceópsia no Instituto Médico Legal de (PDML) de Cruz Alta.

Nas redes socias haviam diversas manifestações de repúdio ao fato, e algumas mulheres querem fazer um protesto na cidade.

Plantão de Jornalismo da Rádio Cidade FM e Jornal O Alto Jacuí de Ibirubá

Foto: Arquivo pessoal

Continue Lendo

Notícias Gerais

Menor e dois rapazes assaltam residência no Bairro Floresta

Postado

em

Por volta da meia noite de hoje,  um morador do Bairro Floresta foi assaltado em sua residência, por volta da meia noite. O Sr. A.J.K estava dormindo quando bateram na porta e ao abrir foi acredito com socos e atingido por uma pedra na cabeça. Após furtarem cem reais da residência os indivíduos, que não foram identificados pelo morador, fugiram.

Dr. Braun forjou a própria morte, revela ibirubense que conversou com a esposa do médico

Segundo a Brigada Militar, ao realizarem buscas nas redondezas uma menor de idade e dois rapazes fugiram do local onde estavam. Após ser apreendida, a menor foi reconhecida por vizinhos que testemunharam o assalto. 

A Polícia Civil dará prosseguimento a investigação.


Continue Lendo

Notícias Gerais

Coprel investe na Subestação Ibirubá 2 para garantir energia de qualidade e atender a demanda regional por mais vinte anos

Postado

em

São beneficiadas 6849 famílias cooperantes de oito municípios da região

Para melhorar ainda mais a qualidade e confiabilidade da energia distribuída para a região, ampliando a oferta de energia para novos investimentos, a Coprel concluiu, neste mês de novembro, a ampliação da sua subestação em Ibirubá. A cooperativa instalou mais um transformador de força com potência 25 MVA na Subestação de Energia Ibirubá 2, o que garante também o dobro de capacidade da subestação para atendimento de cargas. Agora, a subestação conta com dois transformadores que totalizam 50 MVA de potência instalada, e que operam na tensão 69/13,8kV.

A ampliação permite que o sistema elétrico da região opere com os dois transformadores de forma simultânea, em redundância. Em caso de falhas ou necessidade de manutenção em um dos equipamentos, o outro segue operando normalmente, sem que seja necessário desligamento de cargas. Já com a capacidade de carga duplicada, a nova configuração suportará o crescimento de demanda de energia da região para os próximos 20 anos, segundo os cálculos e projeções da cooperativa, garantindo a expansão de carga dos cooperantes e agroindústrias por meio de um sistema elétrico robusto e confiável.

Dentro do plano de investimentos da Coprel para o ano de 2019, somente na ampliação da Subestação Ibirubá 2, foram investidos R$ 3.033.142,56. Além da instalação do segundo transformador de força, foram instalados novos painéis elétricos e equipamentos de proteção e manobra, ampliando ainda mais a automação da subestação para operação a distância. O plano de investimentos da Coprel para este ano em toda sua área de atuação totaliza R$ 38.970.000,00.

As obras de ampliação da subestação beneficiam 6849 famílias cooperantes dos municípios de Ibirubá, Selbach, Tapera, Quinze de Novembro, Fortaleza dos Valos, Colorado, Santa Bárbara do Sul e Saldanha Marinho. De acordo com o facilitador da Unidade de Energia da Coprel, Herton Azzolin, a ampliação da Subestação Ibirubá 2 é um investimento importante para o desenvolvimento da região. “Com a ampliação da subestação, os cooperantes podem continuar investindo em projetos de aumento de carga em suas propriedades, assim como as agroindústrias, que podem contar com uma energia elétrica de qualidade e com alta disponibilidade de carga. Este investimento está alinhado com a missão da cooperativa em promover o desenvolvimento regional oferecendo serviços diferenciados e sustentáveis de energia”.

Continue Lendo

Notícias Gerais

Municipal de Vôlei ” Amigas do Vôlei- 40 anos ” realizou sua 2° rodada

Postado

em

Na tarde de domingo (17), junto ao Ginásio Assis de Souza Roque, aconteceu a 2° Rodada do Munipal de vôlei, estava previsto 4 jogos, sendo dois no naipe masculino e dois no naipe feminino, porém os únicos jogos que aconteceram foram os femininos, devido ao fato que no naipe masculino duas equipes não puderam comparecer para jogar, perdendo assim por WO.

Confira os resultados:

QUASE VÔLEI X IFRS ( IFRS GANHOU POR WO)

NUTRI VITAL B 2X0 AMIGAS DO VÔLEI

AUDAX X CLUBE VÔLEI ( CLUBE VÔLEI VENCEU POR WO)

NUTRI VITAL 2X0 IFRS

Os líderes de cada chave até o fim desta rodada são:
Feminino:
Nutri Vital A com 2 vitórias
Masculino:
Clube Vôlei com 2 vitórias

A próxima rodada acontece dia 28/11 no Acissão a partir das 19 hrs.

Foto: Equipe Nutri Vital A
Lia Tiemann

Continue Lendo

Notícias Gerais

Michel Scarsi é campeão estadual catarinense da Série C

Postado

em

O jovem meio campista é natural de Quinze de Novembro, e atuou pela primeira vez entre os profissionais.


Ele deixou um relato com detalhes em seu perfil no facebook:

“Campeão Catarinense série C 2019!

Obrigado a Deus, obrigado a minha família e a todos os responsáveis por fazerem esse sonho se tornar realidade!
Agradeço também pelo ano dentro do futebol que me foi proporcionado, podendo chegar a duas finais, sendo uma na sub 20, onde infelizmente o título não veio e a segunda no profissional, onde pude fazer minha estreia profissionalmente e juntos buscarmos o título e o acesso para a divisão acima do campeonato!
Grato por tudo! 🙌🏻
@cac_cacadorense”

Foto: Arquivo pessoal

Continue Lendo

Veja Isso